Archive for março, 2011

março 30, 2011

Limpe a sujeira do seu cão

 

Seria bom se os cãezinhos pudessem usar o vaso sanitário ou limpar seu próprio cocô, não é mesmo?
Alguns donos de cachorro vivem nesta ilusão e acham que se levarem o Totó para passear na rua, não precisarão se preocupar com a limpeza. Lamentável.

Esta responsabilidade é só do dono e de mais ninguém. Ah, os transeuntes que se depararem com esta cena, também devem sugerir que o dono recolha a sujeira de seu cão.

A calçada é a mesma que todos irão pisar, antes de entrarem na sua casa. O cocô a céu aberto libera gazes que poluem o ar, atraem insetos, moscas e doenças para a comunidade.
Deixam a calçada feia, o cheiro ruim.

Portanto se você se importa em viver com higiene, saúde e sem o risco de pisar em um cocô ao sair de casa, recolha a sujeira do seu bichinho com um saco plástico ou jornal e descarte no lugar correto.

Sabemos que o melhor descarte para fezes é o vaso sanitário, pois no esgoto elas são tratadas de forma adequada, enquanto as fezes nos aterros sanitários poluem não só o ar, como também o solo.

Seja mais um cidadão consciente! Só mais um é bastante, sim. Você é especial, formador de opiniões e dará exemplo a muitos outros.

Img.: 091

março 26, 2011

Dia Mundial da Água e Hora do Planeta

Galerinha verde!

Nem deu tempo de comemorarmos o #World Water Day como ele merece, né?
Mas minha amiga Paula publicou parte do meu texto do ano passado sobre este assunto, na edição de hoje do jornal de Três Pontas-MG em que ela escreve, o Correio Trespontano. Fiquei tão feliz!
Olha aí a página que a gente saiu. Quem quiser ver o jornal todo, pode adicionar o Bella Ideia no facebook.



* Mas ainda dá tempo de aderir à #HoradoPlaneta, deixando de utilizar energia elétrica entre 20h30 e 21h30 no dia de hoje.

Atualizações bloguísticas:

1. Este mês eu não pude participar da Teia Ambiental, mas quem puder, vale a pena entrar nos blogs participantes (posts do dia 7 de março).
2. Selinhos: estou caçando todos os selinhos que eu recebi para postar. É um mais fofo que o outro!

é isso aí! *.*

março 24, 2011

Informe-se e espalhe

 

People!
Eu gostaria de aproveitar a última das 50 dicas green para indicar alguns blogs verdes.
Sigam-nos, atualizem-se e espalhem as notícias verdes!

1. Mother Nature Network – tem tudo, notícias, receitas, blogs, dicas de bem estar, eco-turismo, eco-biz. Em inglês.

2. Casinha na Árvore – este é imperdível. Com um design único, personagens fofos dão as dicas verdes para as crianças em forma de brincadeiras, experiências e receitas naturebas. Vale a pena conhecer também o blog verde da Clarinha no Uol.

3. Nature as I see it – para proteger a natureza, nada como admirá-la primeiro. Através de fotografias de tirar o fôlego, a Annelie mostra legumes fresquinhos, flores maravilhosas, coisas da fazenda e receitas bem gostosas. Em inglês.

4. 365 coisas que posso fazer para diminuir minha pegada ecológica – neste blog a Yogini se desafia a passar um ano dando dicas verdes. Bem interessantes, vale a pena conferir.

5. Blog do Rodrigo Barba – este, quem não conhece, pode ir agora mesmo. É daqueles que a gente adora, cheio de achados ecológicos super diferentes e inclusive, dicas de decoração.

Não se esqueçam de conferir no meu blogroll – coluna ao lado – outros blogs verdes que eu adoro acompanhar!

Img.: mother nature network

março 20, 2011

Não seja um eco-chato

 

É isso aí, quem é vivo sempre aparece! ;o)

Recadinho de hoje: não se transforme em um pentelho ecológico.

Quem é essa pessoa? É aquela que, indignada com as injustiças cometidas contra a nossa querida Terra, passa a pregar um desânimo, como se as coisas não tivessem solução. Critica todos os projetos ecológicos, governantes e empresários e faz disto seu assunto constante, tornando-se longo, ‘boring’ e até pessimista.

Acho perda de tempo. Muito mais eficaz investir em atitutes.
Se a idéia é proteger a Terra, precisamos agregar todos os seus habitantes nesta consciência, antes de conseguirmos milagres com empresários.
Um povo unido por uma causa derruba qualquer injustiça.

Se não dermos dicas ecológicas simples e de fácil inserção no dia-a-dia, ninguém irá aderir. Não podemos fazer as coisas parecerem tão complicadas.
E uma mudança de comportamento acontece aos poucos.

Pensando assim é que eu sou otimista, acredito nos projetos ecológicos mesmo sabendo que existe roubalheira e acordos financeiros com ONGs famosas, aproveitadores de plantão no governo e etc.
Dou o exemplo e fico feliz em ver como sou imitada.

Enfim, é sendo positivo, dando o exemplo e trabalhando sem parar, que vamos evoluir a cada ano na auto-sustentação de nossa morada.

Galerinha verde, eu adoro o apoio que vocês me dão no blog! E fico muito feliz em ver que este assunto está interessando cada vez mais pessoas.
Besitos a todos